Posse da nova diretoria do Sindseg-RS ocorre dia 14 110

Informe-se sobre as principais notícias do dia no #GirodoMercado desta segunda-feira, 11 de abril

Posse da nova diretoria do Sindseg-RS ocorre dia 14

GuacirBueno

A posse da diretoria eleita em fevereiro do Sindicato das Seguradoras do rio Grande do Sul (Sindseg-RS) acontece na próxima quinta-feira (14) em coquetel comemorativo no Instituto Ling, às 20h. A ocasião também marca o início da gestão de Guacir Bueno a frente do Sindicato. Bueno afirma que a ideia é dar sequência ao trabalho que vinha sendo feito nas últimas gestões. Nascido em Porto Alegre no dia 30 de novembro 1955, no hospital São Francisco, Guacir formou-se no Curso de Formação de Oficiais da Brigada Militar em 1976 e em Administração de Empresas pela PUCRS, em 1988. Foi Tenente Coronel da Brigada até 1997 e, em 2000, fundou a Associação de Servidores da Área de Segurança Portadores de Deficiência no Rio Grande do Sul (Asasepode), a qual preside até hoje. Em 2008 iniciou na MBM Seguro de Pessoas, onde hoje é presidente do conselho de administração. Também é vice-presidente do Clube Farrapos e conselheiro fiscal do Secraso-RS.

Sincor-SP divulga programação do XVII Conec

XVIIConec

O Sindicato dos Corretores de Seguros no Estado de São Paulo definiu a programação do XVII Conec, que acontece de 6 a 8 de outubro, no Palácio das Convenções do Anhembi, em São Paulo. Em sintonia com o tema do evento, “Aprender, Empreender e Ser Corretor: o caminho seguro da distribuição”, o Palácio das Convenções do Anhembi contará com três auditórios: Aprender, Empreender e Ser Corretor, nos quais serão apresentados palestras e fóruns voltados à discussão de questões relevantes ao setor de seguros e ao aprimoramento profissional da categoria. Em paralelo ao evento, acontecerá a Exposeg, a feira de negócios que reúne as principais seguradoras e empresas relacionadas ao ramo. No local, os corretores de seguros poderão ter acesso direto às companhias, estabelecendo relacionamento com os executivos do mercado, além de tomar conhecimento de novos produtos e serviços. Através do site do Sincor-SP é possível ter acesso à programação completa das palestras, debates, sorteios e shows, além dos demais conteúdos relacionados ao evento. A programação prevê também uma série de atividades e palestras para o público feminino. Para encerrar o encontro, em alto astral, além do tradicional jantar, está programado um show com o cantor Michel Teló. O valor para o Congresso será reajustado a partir do dia 15/04, por isso, o Sincor-SP alerta os corretores a fazerem as inscrições até a data.

Susep explica situação atual do Seguro Dpem

23012012feriasIG098

A Superintendência de Seguros Privados (Susep) vem trabalhando junto ao mercado supervisionado e ao Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) na tentativa de retomar com a maior brevidade possível a oferta do Seguro DPEM. No entanto, desde 31 de março deste ano, este seguro deixou de ser ofertado, apesar da edição da Circular nº 530, que alterou os valores da tarifação, tornando mais condizente com a realidade dessa operação, tendo como objetivo viabilizar a comercialização do seguro. Além da Circular, foi editada também a Medida Provisória 719, de 29 de março de 2016, que trouxe várias melhorias à Lei nº 8.374, de 1991, que dispõe sobre o Seguro DPEM, como a criação de fundo especial para cobertura de vítimas de embarcações inadimplentes e não identificadas, a ser gerido pela Agência Brasileira Gestora de Garantias e Fundos Garantidores (ABGF). A Medida Provisória também torna sem efeito a exigência de apresentação do Seguro DPEM no ato da inscrição das embarcações, bem como em eventuais vistoriais e inspeções por parte da Marinha do Brasil, quando não houver, no mercado, sociedade seguradora que ofereça o seguro. Com relação as indenizações às vítimas das embarcações que possuam o Seguro DPEM vigente, serão realizadas normalmente pela seguradora que subscreveu os riscos. Quanto às vítimas de embarcações não identificadas, ou que não possuam o Seguro DPEM, não haverá neste momento nenhum tipo de indenização.

Confira a programação do XXVI Congresso da Copaprose

congresso-copaprose11-04-2016_11-45-05

Está tudo pronto para o XXVI Congresso Panamericano de Produtores de Seguros da Copaprose Brasil 2016, que a Fenacor e a Copaprose irão promover nos dias 20, 21 e 22 de abril, no Windsor Hotel Atlântica, Avenida Atlântica, 1.020 – Copacabana, Rio de Janeiro. A comissão organizadora já aprovou, inclusive, a programação do evento,que está disponível neste link. O Congresso Panamericano de Produtores de Seguros terá como tema central “Para onde caminha o Seguro na América Latina?”. O evento se propõe a promover uma reflexão sobre as perspectivas do mercado de seguros e, particularmente, dos produtores, intermediários e corretores de seguros, nos próximos anos, diante de um cenário econômico instável e de profundas mudanças na sociedade. Esse debate tem como base o papel que cabe aos intermediários, produtores e corretores de seguros no processo de extensão de uma ampla rede de proteção securitária, que ampare e resguarde a vida, a saúde e o patrimônio das pessoas, a continuidade das empresas e as grandes obras, públicas e privadas. Durante o evento, será possível trocar experiências com profissionais da América Latina, Portugal e Espanha, além do indispensável network. A inscrição pode ser feita no site.

BrasilCap distribui mais de R$ 28 milhões em março

cofreporco

A Brasilcap, empresa líder do mercado de capitalização, distribuiu, no mês de março de 2016, R$ 28,6 milhões em prêmios para 2.222 títulos de todo o Brasil. Os estados em que o Ourocap mais realizou sonhos e projetos de vida dos seus clientes foram São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro, nesta ordem. E o mês de abril já começou muito bem para os clientes Ourocap. No sorteio de 2 de abril, 472 clientes foram contemplados com títulos Ourocap 20 Anos, Ourocap Torcida Brasil, Ourocap Torcida e Parcela Premiável, que somaram R$ 4,5 milhões em prêmios. Destaque para a premiação de R$ 200 mil do Ourocap Torcida Brasil, que saiu para um cliente da agência BB Presidente Vargas, no Centro do Rio de Janeiro. No sorteio ainda saíram 15 prêmios de R$ 100 mil e nove de R$ 50 mil para clientes com Ourocap, distribuídos por todas as regiões do país. Também foram contemplados cinco clientes que possuem o produto Parcela Premiável, comercializado nas agências BV Financeira do Grupo Votorantim. Eles ganharam, cada um, R$ 74 mil, R$ 63 mil, R$ 53 mil, R$ 42 mil e R$ 35 mil. De janeiro a março de 2016, a Brasilcap já distribuiu mais de R$ 74 milhões em prêmios para cerca 7,7 mil títulos pelo Brasil, mantendo os excelentes resultados do mesmo período de 2015. Desde 1995, ano em que o produto começou a ser comercializado, o título de capitalização já distribuiu aproximadamente R$ 1,67 bilhão para 546,3 mil clientes.

*Com informações de Sincor-SP, Susep, Fenacor e assessorias de imprensa das empresas citadas.

Susep suspende início de recadastramento para sociedades corretoras 3669

Decisão foi publicada no Diário Oficial da União

Em comunicado, a Superintendência de Seguros Privados (Susep) informa a suspensão do início do prazo de recadastramento para sociedades corretoras de seguros. Inicialmente os pedidos deveriam ser realizados a partir do dia 1º de março.

A informação consta na Circular Susep 567 e foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta. “A medida ocorre em função do aprimoramento do sistema interno de recadastramento da autarquia. Tão logo as adequações no sistema sejam realizadas, a Susep informará a nova data para o início do processo”, disse a autarquia em nota.

RS apresentou maior índice de recuperação de veículos em 2017 3784

Percentual do ano supera os 75%, mas muitos veículos ficam parados na espera pela perícia

Mesmo encerrando o ano como o quarto estado com maior número de roubos e furtos de veículos (35.520 ocorrências), o Rio Grande do Sul também foi o com maior índice de recuperação: 75,44%. “Este dado mostra que a inteligência da nossa polícia funciona e com certeza é algo que devemos nos orgulhar. Por outro lado, a falta de peritos faz com que muitos dos veículos recuperados fiquem parados aguardando perícia”, afirma o presidente do Sindicato das Seguradoras (SindSeg-RS), Guacir Bueno.

Em dezembro, o Estado teve 2.673 casos de roubos e furtos, ficando na terceira colocação. Porém, o índice de recuperação neste mês foi de 77,59%. Deste total, 1.047 ocorrências foram registradas apenas em Porto Alegre, deixando a Capital em terceiro no ranking de cidades no mês. “Embora tenhamos uma redução na comparação com anos anteriores, os dados continuam elevados, pois 2015 foi um ano extremamente atípico, com muito mais ocorrências que a média. Nos preocupa este cenário, pois acaba refletindo no preço pago pelas apólices”, afirma Guacir.

Ele lembra que na composição do preço do seguro entram em consideração muitos aspectos que variam de companhia para companhia como idade do condutor, hábitos de uso, modelo do veículo e localidade que reside o proprietário. “Isto explica, por exemplo, porque um mesmo veículo pode ter apólice com preço diferente em dois bairros da mesma cidade. Se o condutor for um jovem adulto, o preço é maior, pois há mais sinistralidade. Como mulheres costumam ser mais cuidadosas, o seguro delas tende a ser menor, mas não são regras fixas”, salienta. Guacir destaca ainda que a presença do corretor é fundamental para a escolha do seguro que melhor cobre as necessidades de cada um. “O melhor seguro é aquele que contempla as necessidades particulares do usuário. Algumas coberturas como roubos, furtos e incêndios são básicas, mas é possível acrescentar outras de acordo com o perfil de cada um”, conclui.

Revolução no mercado de certificação digital 12150

Novas normas e resoluções entraram em vigor no começo do mês

Na virada do mês de janeiro para fevereiro de 2018, houve uma “grande revolução” no mercado de certificação digital. Entram em vigor várias normativas e resoluções, que impõem um maior rigor às emissões de certificados.

As normativas e resoluções determinam, principalmente, a formalização dos pontos de emissão (Autoridades de Registros), ou seja, todos os emissores deverão ser “Credenciados Oficialmente”. Além disto, fazem parte dessas medidas os processos de captura biométricas e Cadastro Centralizado dos Agentes de Registros.

Para a Rede ID Seguro, as mudanças não vão provocar grandes impactos, pois nossos gestores possuem empresas formais e estruturadas, com uma das maiores Rede de ARs do Brasil. Para o credenciado da ID Seguro, a formalização exigida já é familiar, pois o corretor de seguros, já vivência a formalística do mercado há muito tempo.

Esta visão de formalidade, aliada ao empreendedorismo natural do corretor de seguros, está consolidando a Rede ID Seguros em um “player de respeito” do mercado de certificação e agregando ganhos financeiros adicionais às corretoras credenciadas, isto sem contar o lide qualificado para a corretagem de seguros.

Estes ganhos financeiros devem ser majorados, pois além das mudanças regulatórias do mercado, que devem favorecer o mercado, em 2018, teremos um incremento nas emissões, fomentada pelas obrigatoriedades impostas pelo Governo Federal, principalmente para o contribuinte Pessoa Jurídica, cujo relacionamento com o e-Social deverá ser 100% digital.

Para o contribuinte Pessoa Física, ainda não existe uma obrigatoriedade no uso do Certificado Digital, mas o Governo está implantando “facilidades”, que exigem o Certificado Digital. Nesta lista está, a partir de fevereiro, a nova CNH-Digital, que através do certificado digital o usuário poderá carregar em seu smartphone, com validade jurídica.

Ainda neste semestre será possível realizar a transferência eletrônica da propriedade de veículos (sem o reconhecimento de firma em cartório) e também a CTPS-digital. Dentro dessas implementações ainda há possibilidade de solicitar os processos de isenção de impostos, na aquisição de veículos, para deficientes e taxistas.

Profissionais liberais que já trabalham com a certificação digital, a exemplos de advogados e médicos, sinalizam as boas expectativas da ID Seguro no mercado de emissões de certificados digitais, no Estado de São Paulo, que mantém um plano de expansão em andamento para impulsionar ainda mais este crescimento através de um acordo firmado com a Federação (Fenacor) para levar a ID Seguro a todo Brasil.

As vantagens da Certificação Digital podem ser conhecidas neste endereço.

*Por José Nagano, Gerente de Certificação Digital da ID Seguro.

Sompo assume liderança no ramo de Seguros de Transportes 1677

Conquista foi confirmada após atualização dos dados estatísticos feita da Susep

A Sompo Seguros é a 1ª no ranking das seguradoras no ramo de Transportes, de acordo com dados da Superintendência de Seguros Privados (Susep). Em 2017, a empresa registrou um crescimento de 34% em sua carteira de seguros de Transportes, que atingiu R$ 340 milhões em Prêmios Emitidos e melhorou 0,5 ponto percentual a sinistralidade em relação ao ano de 2016.

A conquista é sinônimo dos esforços da companhia, que saiu do 6º lugar em 2014, entre as seguradoras do Brasil no ramo de Transportes, para líder do segmento, menos de três anos após o início dos investimentos nesta Carteira.

“Os constantes investimentos da Sompo, sobretudo em pessoas, ferramentas de tecnologia da informação e novas metodologias em Gerenciamento de Riscos, foram capazes de otimizar processos e permitir que aproveitássemos todo o know how das nossas experientes equipes Técnica, Comercial e de Sinistros em prol dos nossos Clientes e Corretores”, comenta Adriano Yonamine, Diretor da área de Transportes da Sompo Seguros.

Ano de conquistas

Em 2017, a Sompo Seguros conquistou importantes clientes no setor de Transportes, como é o caso do Grupo Volkswagen, passando a ser líder do Programa de Seguros de Transportes do Grupo – que envolve as marcas Audi, MAN e Volkswagen para o triênio de 2018 a 2020.

Superintendente da Susep palestra em Porto Alegre 1646

Joaquim Mendanha é superintendente da Susep

Será no dia 16 de março

No dia 16 de março tem palestra com Joaquim Mendanha, superintendente da Superintendência de Seguros Privados (Susep). O encontro acontece a partir das 8h30min, e deve abordar diversos aspectos do momento atual do setor de seguros no Brasil.

Seguradoras piratas, recadastramento de corretores e movimentos do mercado em 2017 devem estar entre os assuntos do “Café da Manhã com Palestra”, organizado pelo sindicato local dos corretores de seguros.

Queremos conhecer ainda mais nosso público, participe da pesquisa de opinião! (Leva menos de 2 minutos)Participar
+