Qualidade do atendimento gera negócios 96

É possível afirmar que políticas corretas de comunicação vencem crises

O êxito na busca de clientes para atingir as metas necessárias para o sucesso de um negócio depende da qualidade do atendimento que as empresas prestam ao mercado. O atendimento está ligado a uma correta política de comunicação, que deve ser pilotada por equipes competentes, uma vez que envolve deste o presidente, passando pelos diretores, níveis gerenciais e colaboradores.

Todos os integrantes de uma organização devem ter a convicção de que somente através de um correto atendimento ao público em geral e em especial aos clientes fará com que a empresa adquira visibilidade suficiente para colocar seus produtos e serviços no mercado.

É possível afirmar que políticas corretas de comunicação vencem crises e tornam as empresas aceitas e recomendadas, porque formam imagem positiva na mente dos consumidores.

Tanto isto é verdade que é comum se ouvir, com freqüência, pessoas descrevendo situações desagradáveis que tiveram ao buscar informações que precisavam, sem encontrar o atendimento que esperavam. O resultado é um sentimento negativo em relação a empresa e a seus produtos e serviços.

Diante disso o contágio é repassado de pessoa a pessoa, que fazem questão de contar o que lhes aconteceu, criando uma rede de comentários negativos, que será prejudicial a equipe de vendas na hora de abordar estes clientes.

Por isso é preciso que, antes de cobrar resultados das equipes comerciais, as empresas implantem políticas internas de atendimento eficazes, atingindo todos os níveis da organização, pois isto acontecendo o caminho para atingir metas se torna fácil.

Com as alterações ocorridas no mercado, principalmente em função da tecnologia é comum as empresas não divulgarem seus telefones, exigindo o contato através de emails, que nem sempre são respondidos, deixando os potenciais clientes insatisfeitos.

As dificuldades são enormes em muitas organizações para contatos com profissionais de comando. Muitos gerentes se tornaram inacessíveis para os clientes. Sempre estão em reunião, delegando a importante tarefa de falar com os clientes a um funcionário, que raramente está preparado para o atendimento. Fatalmente este cliente não esquecerá este momento. Estará ele receptivo a um contato feito pela empresa? É certo que não.

O resultado é que vai se formando um batalhão de pessoas que não foram bem atendidas e que jamais demonstrarão interesse pelos produtos e serviços que estas empresas oferecem.

E como vender e atingir metas principalmente em momentos de crise econômica, onde a concorrência continua forte e disposta a enfrentar qualquer situação para não sucumbir?

A resposta é simples. O caminho para vender mais e melhor é preparar seus colaboradores, para que entendam a importância do atendimento com qualidade, que gera simpatia, cria relacionamentos e potenciais clientes. Existem no mercado profissionais especializados que fazem consultoria nesta área, preparando os colaborados para esta missão que deve ser de todos, pois qualquer um dos colaboradores em qualquer nível pode ajudar ou destruir a imagem da empresa perante o mercado.

Empresa foca em qualidade e aposta na contratação CLT 2501

Para gestor, vínculo empregatício garante compromisso e segurança aos clientes

Após a aplicação da Reforma Trabalhista, em 2017, muito tem se falado no contraponto existente entre os direitos e deveres envolvidos na relação empregatícia. Na contramão do senso comum, a EDR, empresa especialista em serviços técnicos, aposta na contratação através da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho).

“Isso é fundamental e ajuda nos processos, uma vez que eles são mais integrados, passa segurança aos clientes e reforça a idoneidade”, afirma Maurício Vieira, executivo principal da EDR.

Apenas em 2018 foram realizados 8 treinamentos regionais, com o intuito de qualificar a mão de obra no encontro das inovações promovidas pelos processos tecnológicos.

A entrevista completa foi apresentada no programa Seguro Sem Mistério, apresentado diariamente nos canais 520 e 20 da NET Porto Alegre, e nos 526 e 26 da NET nas demais regiões do Rio Grande do Sul. A edição inédita sempre vai ao ar nos domingos, a partir das 11h30min.

Seguradora disponibiliza resposta imediata 24h em casos de ataque cibernético 2296

Apólice do seguro de riscos cibernéticos pode ser acionada a qualquer momento

A Chubb disponibiliza um sistema de resposta imediata 24 horas em casos de ataques cibernéticos aos seus segurados do seu seguro de riscos cibernéticos recentemente lançado ao mercado. Em caso de suspeita de ameaça, o cliente pode acionar o serviço 0800 para contatar de forma imediata uma equipe especializada.“Uma vez confirmada a infecção, o Gerente de Resposta a Incidente Cibernético guiará o segurado no passo a passo sobre como proceder ao longo do evento”, destaca o Head de Financial Lines da Chubb, Humberto Pita.

O Gerente de Resposta a Incidente Cibernético reúne o suporte de profissionais especializados para conduzir as ações adequadas a cada situação.Prestação de serviços jurídicos, regulatórios e de investigação forense,  monitoramento do crédito, comunicação pública da crise e consultas de possíveis fraudes e roubos de identidade estão entre as reações que podem precisar de auxílio. “Essas e outras várias ações são colocadas em prática, ao mesmo tempo em que os especialistas auxiliam o cliente na tarefa do manejo do incidente”, afirma o executivo, ao lembrar que o suporte não acarreta em custos adicionais além da franquia especificada na apólice.

Além disso, após controlar a crise, o serviço ainda apoia o segurado para que ele volte à normalidade do seu negócio. “Na sequência, essa mesma equipe auxilia o cliente na análise do ataque cibernético, a fim de estabelecer um resumo de lições aprendidas e, com isso, verificar as medidas corretivas para mitigar futuros incidentes”, observa.

 

Conhecimento e entusiasmo atingem objetivos 6217

Confiança

Confira o artigo de Adelino Cruz para a edição 211 da Revista JRS

O Brasil vive momentos de grandes dificuldades. A população sofre as consequências de uma crise que traz sofrimento para a população. Os noticiários provocam tristeza noticiando, a cada dia, a morte de inocentes que infelicitam toda a Nação.

Um povo que tem muito amor pelo Brasil pode acreditar que vai melhorar. Isto tem um grande significado, pois quem possui esperança cultivada dentro de seu ser, sempre encontra forças para ir adiante, apostando no futuro e na sua capacidade pessoal de vencer dificuldades.

Este mesmo povo mantém o entusiasmo, que nada mais é do que o prazer de desenvolver alguma atividade com paixão e dedicação, mantendo o espírito ativo, no sentido de atingir metas e objetivos vencendo qualquer dificuldade. Pode se ter entusiasmo por muitas coisas, desde as mais simples que nos desafiam no dia a dia até mesmo as grandes conquistas que todos desejam. Ter entusiasmo é sentir que tudo é possível, porque é um estado de espírito que muitos tem e cultivam pois entendem que é um instrumento eficaz para atingir objetivos.

Trabalhar, estudar, praticar esportes ou qualquer outra atividade que se faz com entusiasmo e dedicação sempre leva ao sucesso pessoal e profissional. Ao abordar este tema queremos alertar aos profissionais de todas as áreas, que busquem dentro de si o entusiasmo que gera motivação para enfrentar os desafios da vida. Não há crise que vença um profissional motivado, pois ele sabe que cultivar momentos de dificuldade só serve para impedir que se atinja os objetivos fixados.

O entusiasmo gera alegria de viver, de sonhar, de conquistar, de vencer. É uma característica essencial para todos os profissionais mas em especial para quem atua em atendimento e vendas, pois ninguém consegue vender nada com desanimo ou pessimismo. Vender ou atender bem, com qualidade, significa passar ao cliente entusiasmo que contagia e torna o cliente um aliado feliz.

O conhecimento está ao alcance de todos que possuem a chama do vencedor, mesmo nas classes menos favorecidas onde existem belos exemplos de vencedores. O entusiasmo é uma manifestação íntima que revela uma saúde emocional capaz de vencer qualquer dificuldade.

A união dessas duas características leva o profissional a trabalhar motivado sabendo que atingirá qualquer objetivo na vida.

Revista 211
Este e muitos outros conteúdos relevantes estão na edição 211 da Revista JRS, agora com nova linha editorial e nova identidade visual

Seguradora lança ação, oferece prêmios e gera oportunidades para corretores 1988

Negócios

Ação acontece até 29 de junho e visa clientes empresariais

A Porto Seguro Empresa começou nesta segunda (02) a nova edição da campanha Negócios à Vista. A ação acontece até o dia 29 de junho e vai premiar os corretores de seguros que obtiverem destaque nas negociações de apólices no ramo empresarial. Para participar não é necessário cadastro, basta comercializar os produtos da companhia e estar elegível.

Uma das novidades é que cada renovação ou nova contratação somarão pontos que podem ser trocados premiações. Os três primeiros colocados de cada região do Brasil receberão uma premiação especial.

“A campanha ressalta a importância do corretor para a companha e oferece incentivo para que ele amplie a rede de atuação para gerar novos negócios”, explica Jarbas Medeiros, superintendente de Ramos Elementares da Porto Seguro. Na visão do executivo, o seguro empresarial oferece mais liberdade para investimentos em planejamento e estratégia de negócios, sem a preocupação com incidentes que consumiriam tempo ou acarretariam prejuízos financeiros inesperados.

O regulamento da campanha está disponível no portal Corretor Online, da Porto Seguro.

Operadora de planos de saúde pode movimentar R$ 2 bi com IPO 2606

Reprodução

Papéis devem ser negociados a partir do dia 23 de abril

A Notre Dame Intermédica definiu entre R$ 14,50 e R$ 17,50 o valor da oferta pública inicial de ações (IPO), de acordo com o prospecto publicado hoje pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A Notre Dame Intermédica é controlada pelo Bain Capital há quatro anos e a operação é assessorada por Itaú BBA, Citi, Credit Suisse, J.P. Morgan, Bradesco, Morgan Stanley e UBS.

A operadora de planos de saúde vai ofertar 122.070.301 ações, o que pode movimentar mais de R$ 1.9 bilhão de reais – segundo estimativa do jornal Valor Econômico, que considerou o valor médio da faixa indicativa (R$ 16,00).

Os papeis devem ser negociados na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo) a partir do dia 23 de abril, pelo ticker GNDI3.

Queremos conhecer ainda mais nosso público, participe da pesquisa de opinião! (Leva menos de 2 minutos)Participar
+