Porto Alegre tem um grande mercado para a Travelers 253

Presidente da companhia percebe especialidade técnica local

“Porto Alegre é um grande nicho para a Travelers”, assim disse o presidente da companhia no Brasil, Leonardo Semenovitch, durante a primeira edição do ano do Almoço do Mercado Segurador. Historicamente, a Capital gaúcha é uma região muito técnica, com corretores e um mercado de seguros em geral técnico, na opinião do presidente da Travelers.

“Temos grandes objetivos a longo prazo no Brasil”, diz presidente da Travelers

“E aqui também tem riscos um pouco mais complexos e é nisso que entendemos que podemos atuar melhor com nossas equipes especializadas de controle de riscos, engenheiros e sinistros”, declarou.

Antônio Prado (RS) recebe visitantes de braços abertos na Noite Italiana 4338

GilsonBochernitsaneJúlia

38ª edição do evento acontece nos dias 18 e 25 de agosto

Desde 1980, a Noite Italiana de Antônio Prado (RS) é um dos eventos mais aguardados pelos amantes da cultura italiana no Brasil. A cidade possui cenários encantadores e recebe milhares de visitantes nos dias 18 e 25 de agosto, no Centro de Eventos do município, localizado na Serra Gaúcha.

Na última edição, mais de 4 mil participantes apreciaram o melhor da culinária e do vinho da Itália. Quem marcou presença na última edição foi a Generali, representada por Nery Silva, head da companhia na América Latina; Rafael Alquati, diretor da Região Sul; e Fabrício Porto, gerente da filial Porto Alegre. Os profissionais foram recepcionados pelo CEO da Solaris Corretora de Seguros, Laureano Fortuna, e sua equipe.

Mercado segurador em peso na cidade de Antônio Prado

O mercado segurador prestigiou em peso a última edição da Noite Italiana. Gilson Bochernitsan, diretor regional da SulAmérica; Waldecyr Schilling, diretor Região Sul da Zurich Seguros; e o casal Clovis e Joyce Della Flora, do Grupo Autosul, também prestigiaram a ação.

Brasesul traz palestras mundialmente reconhecidas para Corretores de Seguros 1387

Evento acontece nos dias 19 e 20 de julho, em Florianópolis (SC)

Diante dos desafios impostos ao mercado brasileiro de seguros, o Congresso Sul Brasileiro de Corretores de Seguros, traz além de relevantes debates e assuntos técnicos, temas que falam diretamente com o empreendedor da corretagem de seguros.

Palestrantes mundialmente reconhecidos falarão diretamente com profissionais do setor. Além do entendimento sobre o nicho, fazer boas vendas envolvem conhecimento sobre pessoas. “É preciso que esses profissionais conheçam e saibam se aproximar de seus clientes, para desenvolverem negócios prósperos e inovadores”, disseram os organizadores do evento, em nota. Um público de 2 mil pessoas é aguardado entre os dias 19 e 20 de julho, em Florianópolis (SC).

O palestrante Marcos Scaldelai fala sobre empreendedorismo e pensamento inovador. Responsável por uma grande renovação na comunicação da Bombril, rejuvenesceu a marca e mostrou que é preciso acompanhar a evolução do mundo para permanecer relevante no mercado. Com sua conhecida frase “de criativo e presidente todo mundo tem um pouco”, suas palestras abordam a confiança e ajudam a trilhar o caminho para que empreendedores alcancem o sucesso.

Já o palestrante Joe Jordan, ex-vice-presidente da MetLife, acredita que trabalhar no setor financeiro é uma das profissões mais nobres do mundo e suas palestras motivacionais têm inspirado executivos a reafirmar seus propósitos. Jordan ajuda os profissionais a perceber e celebrar seus valores, levando-os aos clientes e reforçando fatores importantes como a necessidade de independência, comprometimento e paixão pelo que se faz.

A premiada palestrante Martha Gabriel fala sobre disrupções digitais e como elas proporcionam uma mudança radical na vida de executivos e clientes. Além de promover reflexão sobre como aproveitar inovações digitais, Martha destaca como minimizar riscos e garantir experiência satisfatória fideliza o cliente e auxilia no desenvolvimento de qualquer setor.

Complementando o seleto time de painelistas, Gilclér Regina começou aos 12 anos como catador de papel e teve uma longa jornada até hoje acumular diversos títulos, como o de bacharel em Administração de Empresas e Marketing e graduado em Dinâmica Humana pelo The National Value Center (Texas, EUA), entre outros. Liderança e vendas são o foco de sua apresentação, conduzida com bom humor e leveza.

O Centrosul Florianópolis é o palco deste grande encontro, organizado pelos Sindicatos dos Corretores de Seguros do RS, SC e PR. O espaço fica localizado na Av. Governador Gustavo Richard, 850, no centro da capital catarinense. As inscrições podem ser realizadas neste endereço.

CVG/RS organiza Feijoada de Integração do Mercado no Dia Continental do Seguro 1510

Feijoada CVG/RS 2017

Segunda edição da iniciativa acontece no dia 19 de maio, no Grêmio Náutico Gaúcho

O Dia Continental do Seguro foi criado para ressaltar a importância social e econômica do ramo, além de promover confraternização entre os profissionais de seguros das Américas. A data, comemorada no dia 14 de maio, ganha comemoração especial em Porto Alegre (RS). O Clube de Seguros de Vida e Benefícios do Rio Grande do Sul (CVG/RS) organiza pelo segundo ano consecutivo a Feijoada de Integração do Mercado, no Grêmio Náutico Gaúcho.

Feijoada de Integração do Mercado
Feijoada de Integração do Mercado / Divulgação

Os convites individuais podem ser adquiridos por R$ 65. Sócios possuem desconto, e participam pelo valor de R$ 50. Os valores não incluem bebidas e o estacionamento.

Em 2017 foram mais de 250 participantes em um sábado tomado pela emoção e troca de experiências entre grandes amigos do mercado segurador. “Este evento agora já faz parte do nosso setor”, destacou Eder Oliveira, presidente do CVG/RS.

O futuro do seguro de automóveis 8130

Um dos principais nichos do mercado foi tema de workshop no Sindseg-RS

Antecipar-se às transformações é fundamental para a sobrevivência do seguro de automóveis. O assunto foi tema de workshop organizado pelo Sindicato das Seguradoras do Rio Grande do Sul (Sindseg-RS), promovido na manhã desta quarta-feira (21), e contou com público recorde – no auditório da Escola Nacional de Seguros – em Porto Alegre (RS).

“Nosso setor é um dos mais regulados. São normas necessárias, que preservam, legitimam e previnem problemas para o mercado segurador”, disse Guacir de Llano Bueno, presidente do sindicato gaúcho.

A formação do preço do seguro de automóveis também foi abordada pelos palestrantes Giovani Menger e Edson de Oliveira, da HDI Seguros, e Sérgio Machado, executivo principal da BL Car. “Os números das companhias são muito parecidos”, comentou Menger ao comparar as variáveis existentes na precificação de apólices na capital e no interior do RS. A diferença chegou a 52%, na simulação apresentada pelo gerente da HDI Seguros na filial da capital gaúcha.

“O cliente até pode adquirir um seguro via aplicativo, mas provavelmente procurará um corretor de seguros no caso de um sinistro”, completou ao abordar a complexidade existente na distribuição do seguro pela internet. As redes, segundo Giovane Menger, são ambientes propícios para aplicação de fraudes – o que encarece a precificação e prejudica o setor como um todo.

Tendências como o car sharing e veículos autônomos devem enfrentar obstáculos para dominarem as rodovias do Brasil, na visão dos painelistas. “O País ainda enfrenta grandes problemas estruturais e de modalidade”, completou Machado.

Confira todas as imagens – Workshop do Sindseg/RS

Clique para ampliar

Azul Seguros expande Seguro Popular para Cascavel (PR) 3300

Produto é voltado para quem não tem seguro de veículo; Preço pode ficar até 30% abaixo da média


Pioneira no lançamento do Seguro Popular, a Azul Seguros, uma empresa Porto Seguro, acaba de expandir a atuação do produto para a cidade de Cascavel, no Paraná. “Este é um seguro que estudamos diariamente para, aos poucos, alcançar cada vez mais a população que não possui proteção para o automóvel por conta do orçamento apertado. Por isso, desenhamos um produto que possibilita a diminuição no preço do seguro em até 30%”, afirma Felipe Milagres, diretor da Azul Seguros.

De acordo com a Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais (CNseg), estima-se que 70% dos veículos que circulam no Brasil estão descobertos. Ao lançar esse produto, a Azul Seguros estimula a inclusão securitária, incentiva novas oportunidades de negócio e contribui para a sustentabilidade do setor, pois utiliza peças de desmontagem. A redução de preço se tornou possível porque a Superintendência de Seguros Privados (Susep) autorizou no ano passado as seguradoras a utilizarem peças de desmontagem em consertos de veículos, oriundas de empresas credenciadas.

A modalidade permite ainda a utilização de peças de reposição não originais novas, similares às dos fabricantes de veículos. “Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública, a cidade teve um aumento no número de roubos e furtos. Nosso propósito é oferecer um seguro para automóveis mais em conta e sem perder na qualidade no momento do reparo e também nos serviços oferecidos”, explica Felipe Milagres.

O serviço de reparo em caso de sinistro poderá ser realizado em oficinas referenciadas ou de livre escolha, com peças fornecidas pela Renova Ecopeças, empresa da Porto Seguro que possui experiência de três anos no segmento de desmontagem de veículos, que garante a procedência e a qualidade. Já em casos de reparos de freios, suspensão, amortecedores e pneus, que são itens de segurança, serão utilizadas peças novas e originais.

Queremos conhecer ainda mais nosso público, participe da pesquisa de opinião! (Leva menos de 2 minutos)Participar
+