Chapecoense decide ceder 40% de futuras indenizações às famílias de vítimas 1199

Clube cobra valores de seguradora na Justiça

A direção da Chapecoense decidiu que cederá uma parte da indenização que cobra na Justiça da BISA Seguradora às famílias das vítimas do acidente de novembro de 2016, na Colômbia.

Conforme a ata da reunião, 40% dos valores, em caso de sucesso na iniciativa judicial, será destinado às famílias dos 64 mortos e quatro sobreviventes brasileiros da tragédia aérea de Medellín (deduzidas apenas as despesas processuais). O clube classifica a decisão como uma forma de ajuda humanitária.

Na última quarta-feira, a Chapecoense anunciou que entrou na Justiça contra a BISA Seguradora, empresa contratada pela companhia aérea LaMia no período do acidente aéreo ocorrido há um ano, na Colômbia. Na ação de pedido indenizatório figuram também órgãos do governo boliviano, que não foram especificados pelo clube.

Em maio, a Bisa argumentou no processo judicial que a apólice da companhia aérea boliviana não estava em vigor por falta de pagamento. A empresa que tem base de operação em Miami também alegava que seu contrato com a LaMia não previa cobertura a voos para a Colômbia, em razão dos riscos técnicos de sobrevoar um território que conta com atividades guerrilheiras.

No entanto, um mês depois, o governo boliviano considerou válida a apólice da LaMia com a seguradora Bisa e manifestou que a empresa teria que indenizar as vítimas do acidente com a delegação da Chapecoense. O valor a ser dividido entre sobreviventes e familiares dos mortos é de US$ 25 milhões (cerca de R$ 81 milhões). Em outubro passado, a empresa chegou a tentar um acordo de US$ 200 mil (aproximadamente R$ 650 mil) com os representantes de cada uma das vítimas, mas não obteve sucesso.

O valor da apólice, caso seja pago, não será dividido de forma igualitária. A ideia é que o montante passe por um cálculo, que levará em consideração a expectativa de vida de cada uma das vítimas – os mais jovens receberão mais que os mais velhos

Delphos tem novo endereço em São Paulo 756

Empresa possui 50 anos de atuação

Desde a última semana, a sucursal da Delphos em São Paulo está localizada na Rua Sampaio Viana, 277/3º andar. O telefone permanece o mesmo (11) 4009-8749.

Com 50 anos de atuação, a Delphos foi a primeira empresa de serviços criada para atender especificamente ao mercado segurador brasileiro. A companhia está capacitada para prestar serviços em qualquer atividade relacionada aos diversos ramos de seguros, desde a análise preliminar dos riscos até a regulação do sinistro, com destaque para a tecnologia da informação.

Corretora de Porto Alegre contrata gestor comercial 531

Experiência na ramo é pré-requisito

Conceituada corretora de seguros de Porto Alegre (RS) está a procura de gestor comercial para todos os ramos. Ter experiências anteriores no segmento segurador, através da atuação em companhias ou corretoras, e residir na Capital gaúcha ou região são pré-requisitos para preencher a vaga da empresa que possui 30 anos de mercado.

A oportunidade conta com salário compatível ao cargo. Ficou interessado? Currículos devem ser enviados para o e-mail jrs@jrscomunicacao.com.br.

Associados têm prioridade na participação em eventos do CVG-RS 742

Entidade abre atividades a partir do dia 27 de março

O Clube de Seguros de Vida e Benefícios do Rio Grande do Sul (CVG-RS) recebe o gerente executivo da diretoria geral de Vida do Banco do Brasil e Mapfre, Wagner Torres, em sua primeira palestra de 2018. O encontro acontece no dia 27 de março, a partir das 8h30min, no Clube do Comércio (Rua dos Andradas, 1085 – Porto Alegre/RS).

O executivo possui mais de 20 anos de experiência no mercado e aborda o assunto: Um novo corretor de seguros para o mercado de vida? Ou um novo mercado para este corretor?

Veja também: A agenda completa do CVG-RS em 2017

O número de participações é limitado, por isso, os associados ao CVG-RS possuem prioridade nas inscrições, a partir do dia 14 de março. No dia 15, se ainda houverem vagas, as mesmas serão disponibilizadas ao mercado em geral. As seguradoras sócias podem inscrever até 12 colaboradores e as Corretoras/Prestadores Sócias até 6 colaboradores, o pedido deve partir sempre da Seguradora ou PJ Associada para os e-mails secretaria@cvgrs.com.br ou cvgrs@terra.com.br com o nome completo das pessoas a serem inscritas e a respectiva atividade que exercem junto à Associada.

Segmento de franquias cresceu 8% em 2017 1849

Investimento em um negócio consolidado é a grande chance para quem quer abrir o seu próprio negócio

Cresce cada vez mais o número de franqueados no Brasil. É o que apontam os dados preliminares da Associação Brasileira de Franchising (ABF) em relação ao ano de 2017, divulgados no dia 11 de janeiro. De acordo com a entidade, o mercado de franquias teve um crescimento de 8% no ano passado, gerando um faturamento de 163 bilhões.

Ser dono da sua própria empresa e investir em um sistema de negócio já modelado são algumas das atribuições que fazem as pessoas pensarem em adquirir franquias de empresas já consolidadas no mercado. Os dados da ABF mostram que, no Brasil, 88% dos novos empreendedores estão concentrados no Sudeste. A alta concentração de franqueados na região faz com que os outros 12% sejam divididos entre Centro-Oeste (6%), Nordeste (4%), e Sul (2%).

Além disso, os números indicam que no mercado brasileiro, o investimento em franquias nacionais ((88%) é superior em relação ao de países como Estados Unidos (4%), Espanha (4%), Japão (2%) e França (2%). Logo, com o aumento de franquias no Brasil, cresce também o número de oportunidades de emprego. Só em 2017, mais de 1,2 milhões de empregos foram gerados pelo franchising.

Life Brasil Franchising teve início em 2017 e conta com franqueados nas regiões Sudeste e Sul do Brasil

Além dos dados que mostram o crescimento do mercado de franquias no Brasil, a expansão da empresa e a importância do garantir um seguro de vida foram alguns dos pontos que levaram o Grupo Life Brasil a inovar e lançar o seu próprio sistema de franquias: a Life Brasil Franchising. O projeto teve início em 2017 e já conta com franqueados nas regiões Sudeste e Sul do Brasil.

Um dos diferenciais da holding, que possui quase 20 anos de experiência na venda direta de seguro de vida, é o treinamento da metodologia de sucesso em vendas. Com isso, além de receber o negócio modelado, os futuros empreendedores também têm a oportunidade de aprender, em duas semanas de ensinamentos, com a equipe de formação em ProteCoaching do Grupo.

Um dos exemplos mais recentes de novos franqueados da holding é o empresário Daniel Mendes Campos Cardoso, 32 anos. O novo franqueado do Grupo Life Brasil adquiriu uma franquia home office, recebeu os treinamentos da metodologia de vendas da empresa e já conta com uma equipe de trabalho em Belo Horizonte, Minas Gerais.

“Nesse processo, o ponto mais importante no meu treinamento foi a metodologia do Grupo Life Brasil e os números apresentados. Todo esse conceito que a empresa criou para alcançar esse sucesso foi comprovado e funciona. Além disso, todo esse método para garantir excelência nas vendas foi repassado passo a passo para aplicarmos no nosso negócio”, disse Daniel.

Com a estimativa a favor do franchising em 2018, o Grupo Life Brasil possui uma grande meta: expandir suas franquias pelo país e garantir 80 franqueados neste ano. Para isso, a holding conta com quatro modelos de franquia (home office e três opções de escritório), com investimento inicial a partir de R$ 23.990 e tempo de retorno estimado em seis a dez meses. O franqueado pode alcançar até 2.500% de retorno num prazo médio de cinco anos.

Para saber mais informações sobre como adquirir uma franquia da holding, basta acessar este site..

Tokio Marine cresce 24,5% em cidades do interior de São Paulo 769

Destaques da unidade regional I foram as carteiras de Auto e Transporte

Julio Sato, diretor comercial Varejo São Paulo Interior I
Julio Sato, diretor comercial Varejo São Paulo Interior I / Divulgação

A Tokio Marine amplia cada vez mais sua participação no interior paulista. A seguradora registrou aumento de 24,5% no volume de negócios gerados em 2017, na comparação com o mesmo período de 2016. Os resultados obtidos são fruto, principalmente, do desempenho nas carteiras de Auto, com incremento de 27,9%, e de Transportes, com crescimento de 40,8%.

“Essa conquista mostra a força da parceria com os corretores e assessorias nas regiões de Campinas, Jundiaí, São Jose dos Campos, Mogi das Cruzes, Sorocaba, Piracicaba, Santos e Americana. Para 2018, vamos continuar investindo na capacitação da nossa equipe e dos parceiros de negócios, Corretores e Assessorias. Temos um excelente portfólio de produtos e um mercado cheio de oportunidades e, com isso, pretendemos continuar crescendo visando melhorar ainda mais a nossa rentabilidade”, afirma Julio Sato, diretor comercial Varejo São Paulo Interior I.

Em território nacional, a seguradora comemora o melhor desempenho em 58 anos. Em 2017, a companhia registrou crescimento expressivo de 17% e uma produção histórica de R$ 4,8 bilhões, o que a consolida como a quinta maior seguradora do País. Na carteira de Auto, o crescimento foi de 32%, com um recorde de 1,6 milhão de veículos segurados. Além da alta qualidade dos serviços e de uma ampla rede de corretores, a estratégia de lançar produtos inovadores, que atendam a diferentes nichos, a exemplo do Vida Individual, Auto Popular e Auto Roubo+Rastreador, seguros mais acessíveis em momentos econômicos desafiadores sustentaram esse significativo incremento.