Acessibilidade e incremento de negócios aos corretores de seguros 4600

car

Este foi o assunto do primeiro encontro do Clube dos Seguradores da Bahia em 2018

Na última quinta-feira (08). o Clube dos Seguradores da Bahia apresentou a palestra “Acessibilidade à todos os clientes e incremento de novos negócios aos corretores“. O assunto foi abordado pelo Diretor Comercial da Suhai Seguradora, Robson Tricarico, e contou com um público de 150 pessoas. O encontro aconteceu no Hotel Fiesta, em Salvador.

“Os sócios puderam conhecer novos produtos e segmentos para expansão da carteira de clientes e promove a diversificação de produtos”, contou Fausto Dórea, presidente do CSB e executivo da Previsul Seguradora.

Na oportunidade também foi realizada uma homenagem a Associação dos Corretores de Seguros de Sergipe, presidido por Carlos Dosea. A próxima edição conta com a presença de Francisco Vidigal Filho, presidente da Sompo Seguros e acontece no dia 4 de abril, a partir das 12h, também no Hotel Fiesta.

Fotos
Divulgação

Corretora de seguros contrata profissional em Canoas (RS) 1266

Emprego

Empresa conta com mais de 30 anos de mercado

Corretora de Seguros contrata profissional para atendimento interno. Entre as funções estão cotações e transmissões de propostas.

É desejável que o candidato possua conhecimento em tratamento ao público. A empresa conta com mais de 30 anos no mercado de seguros.

A vaga oferece salário compatível com a função, além de participação por produtividade, vale refeição, vale rancho, auxílio creche e vale transporte.

Gostou? Envie seu currículo para casabem@casabemseguros.com.br!

Atlas Life visa ser corretora especialista Icatu Seguros 1293

Empresa de corretagem mais que dobrou produção com a seguradora no primeiro trimestre de 2018

Com um crescimento superior a 100% na produção com a Icatu Seguros no primeiro semestre do ano, a Atlas Life Corretora de Seguros almeja o título de corretora especialista concedido pela seguradora. “A Atlas nasceu em 2009 e soma toda a experiência de seus sócios-fundadores, que estão há mais de 15 anos no mercado de seguros. Somamos forças para uma maior produção visando qualidade em nossos negócios”, destacou Alcibíades de Lima, sócio-proprietário da corretora de seguros.

São dois anos e meio de parceria da empresa com a Icatu Seguros. “Mais do que atingir as metas, a Atlas vem em busca dos mesmos objetivos da companhia. Entendemos que o corretor de seguros tem um papel fundamental na distribuição de produtos. Com a Atlas estamos ratificando essa importância, com foco na venda consultiva, que visa atender a necessidade e oferecer as melhores soluções em relação ao planejamento do cliente para o futuro”, destaca Josiana Schneider, superintendente de mercado Região Sul da Icatu Seguros.

“A Icatu foi uma grata surpresa. Estávamos carentes no nicho de previdência privada, pois o nicho alavanca a venda de seguros de vida. Esse também é nosso objetivo”, ressalta Lima. “Agora é consolidar nosso trabalho de maneira estruturada para atingirmos esse objetivo”, completa Fábio Moraes, consultor de negócios da Atlas Life Corretora de Seguros.

Vieira Corretora amplia relacionamento com o mercado segurador 1189

Corretores em almoço com Diretor Regional da Porto Seguro

Executivo destaca oportunidades em participar de integrações com o setor

A Vieira Corretora de Seguros, do Rio de Janeiro, promove uma série de ações no mês de maio que visam aproximar suas operações dos demais players do mercado de seguros. No dia 18 de maio, por exemplo, o gestor Fernando Vieira participou de almoço com Marcos Silva, novo diretor regional da Porto Seguro no RJ e ES. O momento contou com a presença dos gestores de grandes corretoras e assessorias, como Arley Boullosa, da Moby Corretora de Seguros; Marcello Hollanda, da Opção Certa Assessoria em Seguros; Fátima Cristina Monteiro, da Flanci Corretora de Seguros e demais colaboradores da seguradora e profissionais da corretagem de seguros.

Sincor-RJ
Divulgação

Nesta quarta (23), Vieira participa de debate sobre Seguro Fiança, Garantia e Garantia Judicial, no Sincor-RJ. Integram o encontro Boullosa; Eduardo Fontes, gerente regional da Pottencial Seguradora no Rio de Janeiro e no Espírito Santo; e, Leandro Carvalho, sócio-diretor da ProBrokers Seguros.

“Ampliar as relações com as companhias de seguros e atuar como palestrante compartilhando experiências profissionais com os corretores são ações que agregam não só para o meu histórico profissional, pois é preciso disseminar a informação necessária para os corretores gerarem novos negócios e compreenderem que o mercado segurador proporciona muitas oportunidades de ampliação da carteira de clientes, basta saber como conduzir para aumentar a rentabilidade”, comenta Fernando Vieira.

Reunião BrasilCap
Divulgação

Na terça, foi a vez da Vieira Corretora de Seguros participar de reunião estratégica com a BrasilCap. Na oportunidade foi definido todo o plano de ação dos produtos de Capitalização. Como Fernando Vieira é especialista em fiança locatícia e no mercado imobiliário, contou que vai atuar com o Cap Aluguel e Cap Garantia. “De acordo com o marco regulatório da Susep 569 de 2 de maio de 2018 sobre Capitalização, o incentivo a compra programada, ao incentivo em relação a filantropia premiável e o instrumento de garantia, vão aumentar as condições de comercialização do produto oferecido pela BrasilCap. Estive presente na reunião para obter maiores detalhes sobre o Cap Aluguel e o CapGarantia para inserir essas modalidades ao Planejamento Estratégico de Vendas da Vieira Corretora de Seguros”, explica.

Corretores do Rio de Janeiro contam com diversas atividades de qualificação 1522

Palestras

Sincor-RJ aborda temas diversos e fomenta conhecimento aos profissionais da região

Uma série de eventos acontecem em maio visando a qualificação dos profissionais da corretagem de seguros no Rio de Janeiro. No dia 16 de maio, Henrique Brandão, presidente do Sindicato dos Corretores de Seguros (Sincor-RJ), ministrou palestra para um grupo seleto de corretores de seguros de Volta Redonda, no Hotel Bela Vista. Durante a apresentação, foram mencionados temas como o cenário econômico nacional, a evolução tecnológica, os problemas na relação entre corretores e seguradoras, além da necessidade de união da categoria.

Da esquerda para a direita: Presidente do Sincor-RJ, Henrique Brandão; o Delegado Sindical da Região Sul Fluminense, Luiz Henrique; O Diretor Financeiro, Mariano Leite; e o Diretor Social, Nilo Rocha / Divulgação
Da esquerda para a direita: Presidente do Sincor-RJ, Henrique Brandão; o Delegado Sindical da Região Sul Fluminense, Luiz Henrique; O Diretor Financeiro, Mariano Leite; e o Diretor Social, Nilo Rocha / Divulgação

“Estar presente com os profissionais que atuam na região sul fluminense foi de extrema importância para debatermos os assuntos pertinentes ao mercado de seguros no Brasil. Durante a apresentação, mencionei vários tópicos para que todos os presentes tivessem a oportunidade de compreender as questões referentes ao setor, tendo a premissa que o Sincor-RJ faz um trabalho de base para estar cada vez mais próximo dos corretores de seguros em todo o Rio de Janeiro”, ressalta Brandão.

Visando ampliar os horizontes nos negócios aos corretores de seguros, ainda foi realizada a primeira reunião do Comitê de Tecnologia do sindicato. Na quarta, foi a vez da palestra Seguro Fiança, Garantia e Garantia Judicial, que conta com apresentação de Eduardo Fontes, gerente regional da Pottencial Seguradora no RJ/ES; Leandro Carvalho, sócio-diretor da ProBrokers; e de Fernando Vieira, gestor da Vieira Corretora de Seguros.

Palestra Sincor 2018
Divulgação

Já na quinta será promovido um curso básico sobre seguros para funcionários de corretoras com Arley Boullosa, diretor de Ensino e Tecnologia do Sincor-RJ. Por fim, na sexta-feira (25), o sindicato promove o II Debate Lagos, que acontece em Cabo Frio e conta com a participação de diversos executivos ligados ao setor.

“Nosso objetivo é aprofundar o assunto tecnologia e para isso mudamos o formato. Não teremos uma palestra e sim uma reunião para discutirmos os impactos que a tecnologia está causando no mercado, em nossas operações, tendências e o que os corretores podem e devem fazer para se tornarem mais eficientes, produtivos e competitivos. Abrimos inscrições para corretores associados e não associados e queria um grupo com 15 corretores interessados no tema. Tivemos 23 inscritos em dois dias e fechei as inscrições para não fugirmos do que queremos para os encontros”, explicou Boullosa.

O Sincor-RJ tem uma meta de trazer dois mil corretores para palestras, cursos, workshops e treinamentos e há um empenho para cumprir esse objetivo, qualificando não só os corretores de seguros, mas os funcionários das corretoras, que atuam nas empresas e precisam ter conhecimento.

“Aumentamos a demanda de novos cursos, palestras semanais e debates porque a categoria precisa se atualizar e se qualificar em relação aos produtos oferecidos pelas seguradoras, ter habilidades para lidar com as novas tendências tecnológicas e ter a consciência de que se não se aliar a tecnologia, vai parar no tempo e ficar pra atrás. O sindicato está de portas abertas para o profissional corretor de seguros, pois estamos aqui para gerar discussões sobre diversos assuntos e dar todo suporte necessários aos que possuem interesse em ampliar sua carteira de clientes e ter sucesso na profissão”, conclui Henrique Brandão.

Tecnologia a serviço do mercado de seguros 1194

Tecnologia

Comitê de Tecnologia do Sincor-RJ amplia atuação em projetos pilotos

A terça-feira (22) foi produtiva para o Comitê de Tecnologia do Sindicato dos Corretores de Seguros do Rio de Janeiro (Sincor-RJ). Participam do grupo Arley Boullosa, diretor de ensino da entidade; Julio Fazenda, da Ibrowse; Maurício Mello, da Proevo; e, Israel Martins, da Dino. O momento contou com a participação de um grupo seleto de corretores de seguros.

Divulgação
Divulgação

Julio Fazenda, da Ibrowse iniciou uma apresentação sobre as mudanças que impactam o setor de seguros desde 2012. O especialista ainda falou sobre o SOLO, um robô virtual que utiliza inteligência artificial e funciona em operações de cobranças para instituições financeiras. O piloto inédito utilizará o conhecimento dos participantes do Comitê para alimentar o banco de dados e responder perguntas sobre seguros. Essa tendência será utilizada para democratizar e acelerar o suporte para os corretores e os funcionários das corretoras.

O sócio-diretor da Proevo Soluções Tecnológicas, Maurício Mello, apresentou um software de gestão para corretoras na versão beta e que vai entrar em teste para os corretores que participaram da reunião. O objetivo é que o sistema seja finalizado com a participação dos que participaram do comitê e em seguida, seja lançado para todo o mercado.

Maurício Mello é sócio-diretor da Proevo Soluções Tecnológicas
Maurício Mello é sócio-diretor da Proevo Soluções Tecnológicas

“Percebemos que sem a tecnologia, não teremos a menor condição de trabalhar e dar continuidade as nossas atividades profissionais. O corretor de seguros precisa acessar uma apólice, transmitir um arquivo e até mesmo gerenciar os negócios da sua corretora através de um sistema simples e eficaz. As insurtechs estão presentes no nosso cotidiano, para mostrar a todos nós que a tecnologia se tornou uma aliada do mercado segurador. Esse comitê só demonstra o quanto as tendências tecnológicas estão presentes ditando regras e facilitando todo processo administrativo, agregando de forma positiva para os negócios”, declara Mello.

Israel Martins, da Dino Marketing Digital, finalizou a apresentação com soluções para os corretores iniciarem a jornada no mundo digital. Foram apresentadas soluções que podem ser executadas com a criação de “personas”, para identificação do cliente foco e formatação de campanhas no Facebook Adwords.

O Comitê de Tecnologia possui a finalidade de gerar soluções que atendam a categoria. “A ideia é que se discuta não apenas o impacto da tecnologia no nosso negócio e as tendências para que possamos nos antecipar, mas também possamos gerar soluções adequadas às necessidades dos corretores. Com esse objetivo, convidei o Julio Fazenda, Maurício Mello e Israel Martins para ouvirem os que participaram da reunião. Sempre recebemos de empresas de tecnologia ‘fórmulas prontas’ e nunca nos perguntaram o que precisamos. Quis com o Comitê de Tecnologia inverter isso e fazer com que os fornecedores desenvolvam soluções realmente úteis. Agora iremos iniciar os pilotos com as três empresas e criarmos juntos as ferramentas. Outra preocupação minha foi o preço. Temos que participar do desenvolvimento, mas, uma preocupação é que também sejam acessíveis aos corretores pequenos e médios. Os grandes tem dinheiro para investir em sistemas sofisticados e caros e que, por terem tantas funcionalidades, as vezes até mais que precisamos, são caros demais”, explicou Boullosa.