Frico observa mercado de seguros norte-americano 5570

Sompo Seguros levou empresa à aulas na Universidade de Nevada

A Frico Corretora foi premiada pela Sompo Seguros no mês de abril através da Campanha Fraternidade da seguradora. O sócio Vicente Glitz representou o mercado de seguros do Sul do Brasil na Universidade de Nevada, nos Estados Unidos.

A seguradora levou profissionais para agregar conhecimento durante uma semana de aulas com especialistas da Universidade americana. O executivo da Frico teve a oportunidade de participar do curso de “Business and Innovation”, que contou com, além das aulas diárias com temas relacionados à inovação, liderança e empreendedorismo, a aplicação dos conceitos na prática, através de estudos de casos das principais insurtechs do país.

“Foi uma grande experiência internacional na University of Nevada nos EUA, proporcionada pela Sompo Seguros. Lá, conhecemos alguns cases de insurtechs americanas que estão mudando o mercado por lá, em razão da inovação dos processos e formas diretas de comercialização dos seguros”, destaca Glitz, ao lembrar que uma manhã também foi dedicada a visita à sede de uma subsidiária da Amazon.

Reprodução/Facebook

“Em conformidade com a histórica característica da Frico em investir na atualização contínua do conhecimento e busca da inovação dos processos através de imersões internacionais, esta experiência agregará muito em novas soluções de serviços ao clientes”, destaca. Além disso, em maio já está prevista a participação da corretora no 3º Seminário Internacional de Regulação de Sinistros de Grandes Riscos, que acontecerá em Madrid, na Espanha.

Seguradoras participam em peso do Brasesul 2216

Encor

Congresso acontece nesta quinta e sexta, em Florianópolis (SC)

Começa nesta quinta-feira o Congresso Sul Brasileiro de Corretores de Seguros. Além da cobertura completa nos veículos de JRS, as companhias seguradoras dão atenção total aos momentos de relacionamento e aprendizado proporcionado pelo Sindicato dos Corretores de Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além de contar com apoio direto da Escola Nacional de Seguros. O evento é realizado em Florianópolis (SC) e deve contar com mais de 2 mil participantes.

Saiba tudo sobre o Brasesul e confira a programação completa

O presidente do Grupo Segurador Banco do Brasil e Mapfre nas áreas de Auto, Seguros Gerais e Affinities, Luis Gutiérrez, marca presença no painel “O que esperamos para o futuro – caminhos, alternativas e soluções”. Além de analisar e projetar o futuro do mercado segurador, o executivo também abordará o desempenho da companhia na região sul.

O mediador desta e de outras palestras será Robert Bittar, presidente da Federação Nacional dos Corretores de Seguros Privados e de Resseguros, de Capitalização, de Previdência Privada, das Empresas Corretoras de Seguros e de Resseguros (Fenacor).

“A região Sul tem grande potencial e traz ao Grupo muitas oportunidades. Temos atualmente 21 sucursais atuando na região para atendimento exclusivo aos parceiros e 70 unidades comerciais nos estados que compõe o sul. Essa estrutura nos permite oferecer um atendimento ágil e assertivo para as demandas locais. A oportunidade desse encontro é importante para evoluirmos com mais ações nestes estados”, afirma Gutiérrez.

Rogério Spezia é Diretor Comercial Varejo Sul
Rogério Spezia é Diretor Comercial Varejo Sul da Tokio Marine

A Tokio Marine também é uma das patrocinadoras do evento. Para o Diretor Comercial Varejo Sul, Rogério Spezia, a participação marca um momento especial da seguradora no Sul do País. “Nestes primeiros seis meses, registramos um crescimento de 7,7% em prêmios emitidos em comparação ao mesmo período do ano passado. Além disso, atingimos um lucro recorde superior à R$ 40 milhões na Diretoria. Isso só foi possível graças ao forte relacionamento que mantemos com nossos 3,5 mil Corretores na Região Sul e será uma grande alegria dividir essas conquistas no Brasesul”, celebra o executivo. No período, os destaques foram a comercialização dos produtos Vida Individual, cujas metas foram superadas em 40%, e a carteira de Transportes, com resultados 27,2% acima do previsto.

A participação da Tokio Marine no Brasesul 2018 também marcará o anúncio do maior projeto da seguradora para o ano, a internalização da Assistência 24 horas. Na Região Sul, a implementação da Tokio Marine Serviços começa em agosto pela carteira de Automóvel, com a oferta de serviços como guincho, auxílio em pane seca, troca de pneus e carga de bateria, entre outros. Iniciado em abril em outras localidades do Brasil, o projeto TMS foi dividido em fases, por regiões e carteiras, e deve ser concluído ainda no segundo semestre de 2018.

O presidente da Tokio Marine, José Adalberto Ferrara, participará do painel “O que esperamos do futuro – Caminhos, alternativas e soluções”, no dia 20 de julho, às 9h30min, juntamente com lideranças do setor. Além de Ferrara, marcam presença o Diretor Executivo Comercial, Valmir Rodrigues, o Diretor Comercial Regional I, João Luiz de Lima e o Superintendente Comercial Nacional Vida, Marcos Kobayashi, além das equipes comerciais das Sucursais e Escritórios instalados na região. “Vamos agradecer aos Corretores do Sul pela parceria e firmar o compromisso de continuar trabalhando fortemente para garantir a melhoria da qualidade na entrega de produtos e serviços. O objetivo da Tokio Marie é sempre crescer de forma sustentável junto com seus Parceiros de Negócios”, conclui Spezia.

Veja também: Congresso Sul Brasileiro reserva espaço para debates

A Porto Seguro irá disponibilizar um estande no evento, onde o público poderá conhecer detalhes de seus produtos. O presidente da companhia, Roberto Santos, irá participar de um painel com dirigentes de seguradoras e Corretores de seguros no dia 20, às 9h30min.

A empresa também é patrocinadora da palestra internacional de Joe Jordan no Brasesul, especialista em finanças comportamentais e autor do livro “Vivendo uma Vida de Importância”. A apresentação irá acontecer no dia 20, às 14h.

Com uma estratégia de crescimento para 2018 mais próxima e alinhada às necessidades dos corretores do Sul do Brasil, a Capemisa Seguradora contratou quatro executivos de contas para atuar no Paraná, em Cascavel e Londrina, além de Santa Catarina, nas cidades de Chapecó e Blumenau. A seguradora ainda conta com os escritórios que já funcionam em Porto Alegre, Florianópolis e Curitiba. A ideia é reforçar o time comercial com o objetivo de fortalecer o relacionamento e estar mais próximo aos corretores dessa região.

“Mercados de extrema relevância”, segundo o Diretor Comercial Fabio Lessa. Os estados do Sul têm movimentado bastante os segmentos de Vida e Previdência, duas das linhas de negócio da Capemisa. Somente no mês de junho deste ano, a empresa registrou faturamento de quase R$ 3,3 milhões apenas nessa região.

Fotos: Veja como foi o primeiro dia do Brasesul, em Florianópolis (SC)

“Trabalhamos mais de 30 produtos na região Sul e muitos deles são customizados, seguindo tendências de mercado e atendendo às demandas dos clientes. Percebemos que é um mercado em expansão e por isso estamos concentrando esforços e dedicando atenção especial àqueles estados”, afirma Lessa.

A Previsul Seguradora também está participando. Estão presentes no estande da companhia o presidente Renato Pedroso, a diretora de Negócios e Marketing, Andreia Araújo, os gerentes regionais, gerentes de sucursal da regional sul e equipe comercial de Santa Catarina.

Na avaliação de Pedroso, o tema do evento está em sintonia com o momento da Previsul, que tem buscado, por meio da tecnologia, soluções que facilitem o dia a dia do corretor de seguros. “Somos uma seguradora orientada para o futuro. Por isso, estamos sempre atentos às tendências e necessidades do mercado, evoluindo em tecnologia para oferecer ferramentas digitais que tragam mais agilidade e autonomia ao corretor”, afirma. Entre as ferramentas citadas por Pedroso, destaca-se o Cota+, cotador online que realiza o processo de cotações de forma rápida e prática. “Também temos o Portal do Corretor, canal digital para que o corretor possa ter acesso a documentos, movimentações de vida, e muito mais.”, completa.

Divulgação
A equipe da Previsul Seguradora no Brasesul / Divulgação

Para Andreia, a participação em eventos como este é importantíssima para estreitar relacionamento. “O corretor é o nosso parceiro na comercialização de seguros. Onde ele estiver, nós estaremos presentes para apresentar novidades que agreguem no dia a dia dele. E a nossa equipe comercial tem papel fundamental nesse contexto, pois prezamos por um atendimento atencioso e eficaz aos nossos parceiros”, reforça.

A diretora de Negócios e Marketing também destaca a importância da região sul no mercado segurador. “É uma honra muito grande estar presente neste evento de grande destaque no cenário nacional de seguros. A Região Sul do Brasil representa uma fatia de mercado muito importante e significativa para nós”, diz.]

A SulAmérica marca presença com a presença do vice-presidente Comercial da companhia, André Lauzana. A equipe regional Sul, liderada por Gilson Bochernitsan recepciona os corretores no stand da companhia.

“A região Sul tem grande representatividade para a SulAmérica, e, por isso, temos investido constantemente no relacionamento com nossos parceiros nos três estados, oferecendo a eles todo o suporte necessário para que estejam bem preparados para expandir seus negócios”, afirma o diretor da Regional Sul da SulAmérica, Gilson Bochernitsan.

Assim como em anos anteriores, no primeiro semestre de 2018, filhos de corretores da região participaram da 10ª edição do Corretor Nova Geração, programa que tem como objetivo capacitar filhos de corretores com foco no processo sucessório dos negócios de família. Entre 23 e 28 de julho, a sede da companhia em São Paulo sediará a 11ª edição do evento, que apresentará novas oportunidades de capacitação para jovens de diversas regiões do Brasil.

Além dessas iniciativas, em maio e junho, aconteceu a premiação do PRA Super Campeões, campanha de vendas do Programa de Reconhecimento ao Corretor, que traz aos parceiros de todo o Brasil diversas formas de ganhar pontos e concorrer a centenas de prêmios ao longo do ano. Mais de 40 corretores da região Sul e seus acompanhantes participaram de viagens organizadas pela companhia para a Bahia (Club Med Trancoso) e os Estados Unidos (Hollywood).

A Sompo Seguros marca presença com o presidente da companhia, Francisco Caiuby Vidigal Filho, que também participa do painel “O que esperamos do futuro – Caminhos, alternativas e soluções”. Filho analisa o panorama do mercado e aborda as estratégias da Sompo Seguros para alcançar as metas estabelecidas para o próximo ano frente aos recentes investimentos em novos recursos tecnológicos, desenvolvimento de produtos e capital humano.

Francisco Caiuby Vidigal Filho é presidente da Sompo Seguros no Brasil
Francisco Caiuby Vidigal Filho é presidente da Sompo Seguros no Brasil

“Como somos uma seguradora voltada às pessoas, nossos objetivos contemplam maximizar o resultado operacional, por meio do investimento em capital humano e tecnologia. Dessa forma, buscamos viabilizar ferramentas que contribuam com o trabalho do corretor e propiciem melhor experiência para o segurado”, destaca o executivo.

Além disso, a equipe da Sompo também estará com estande na Feira de Negócios que acontece simultaneamente ao Brasesul. Com isso, os players do segmento vão poder conversar com os executivos da companhia presentes no evento e conhecer as mais recentes novidades da Sompo. “A Sompo já tem um trabalho consolidado na Região Sul e, em diversas regiões dos três estados, detém a liderança em diferentes linhas de produto. Pretendemos seguir com nossas estratégias de crescimento ao levar novas tendências e produtos que estejam alinhadas às necessidades do consumidor e que possam ser boas oportunidades de negócios para os parceiros corretores de seguros”, considera Alberto Müller, Diretor Comercial da Sompo Seguros para a Região Sul.

A Generali Brasil Seguros também participa do Congresso. A companhia marca presença no stand 23. “É muito importante para a Generali Brasil estar presente em eventos como o Brasesul. É uma oportunidade única de estarmos perto dos nossos parceiros, os corretores de seguros, conversando, aprendendo e mostrando diferenciais de qualidade dos nossos produtos”, afirma Rafael Alquati, Diretor Comercial da Generali Brasil.

A Allianz estará presente com estande, que servirá de ponto de encontro entre a equipe comercial das 11 filiais da região Sul e os corretores de seguros, principal canal de vendas da companhia. Eduardo Grillo, diretor executivo Comercial, ainda recebe os parceiros de negócios em almoço promovido pela seguradora, no dia 20.

Leandro Poli é Diretor Técnico da Essor
Leandro Poli é Diretor Técnico da Essor

Os produtos voltados para o setor agrícola estão entre os mais requisitados pelos profissionais da região. No Brasil, o prêmio emitido anualmente no segmento Seguro Penhor Rural – Equipamentos é de aproximadamente R$ 600 milhões. Somente a região Sul do país é responsável por 40% deste montante, emitindo um valor em torno de R$ 240 milhões ao ano.

Neste segmento, a seguradora francesa Essor, que completou seis anos de atuação no país, vai apresentar um produto que traz mais benefícios e vantagens para o mercado agrícola. Segundo o Diretor Técnico da companhia, Leandro Poli, o objetivo é trazer mais tranquilidade para os produtores rurais desempenharem suas atividades.

“O Seguro Penhor Rural–Equipamentos oferecido pela nossa empresa tem características específicas como prazo alongado de cobertura, que pode ser de até cinco anos, condições especiais para frotas e coberturas de roubo e furto qualificados já inclusas na cobertura básica, além de ser de fácil contratação”, explica o executivo. Para que as melhores opções de cobertura cheguem ao consumidor final, Poli defende que o papel do corretor de seguros é estratégico. Por isso, a Essor oferece, além de material de apoio com todos os aspectos técnicos, a opção de treinamento presencial ou remoto, dependendo da necessidade.

“O seguro de equipamentos é de fácil compreensão. A maioria das dúvidas dos corretores é a avaliação sobre onde enquadrar o produto, se na carteira de Penhor Rural, que é quando o equipamento é financiado por programas de incentivo de crédito rural, ou em Benfeitorias, quando não há financiamento ou se o financiamento é feito de forma diferente. Um bom corretor de seguros conhece detalhadamente o que o mercado tem a oferecer e consegue identificar mais rapidamente as necessidades do consumidor final”, afirma.

Durante o evento, a Essor também vai mostrar o seguro de Responsabilidade Civil Ônibus e o seguro Agrícola, além do Qualidade Estrutural. “O seguro de qualidade estrutural é um produto largamente comercializado em países da Europa, onde o grupo da Essor tem forte presença, e que atende às necessidades de excelência e segurança da construção civil no Brasil, evitando rachaduras, quedas e desabamentos das obras de infra-estrutura e até mesmo residenciais”, finaliza o executivo.

E ainda: Brasesul traz palestras mundialmente reconhecidas para Corretores de Seguros.

A TEx Tecnologia, insurtech líder em softwares para corretoras de seguros, participa e patrocina o Brasesul 2018. Na ocasião, a TEx demonstrará o Teleport, plataforma de Gestão Multicálculo e Gestão Online do mercado, desenhada para atender as necessidades das corretoras de todos os portes, centralizando todos os processos dos seus negócios. E, também, sua moderna e intuitiva ferramenta, Nimble, projetada para cotação e contratação de seguros, que pode ser implantada no site das corretoras para vendas 100% online de seguro automotivo.

“Estamos muito entusiasmados com o evento, pois acreditamos no crescimento do mercado de seguros e estamos, cada vez mais, investindo em novas tecnologias e desenvolvimento de produtos mais eficientes para corretoras de seguros”, diz afirma Omar Ajame, CEO da TEx.

Berkley é a seguradora oficial do Brasesul

A Berkley Brasil é a seguradora do Congresso Sul Brasileiro. De acordo com o superintendente da Regional Sul, Glaucio Costa, por quatro anos consecutivos a Berkley tem sido a seguradora dos eventos do Sincor-PR e neste ano mantém a parceria para este novo formato de congresso, onde os sindicatos dos três estados da região Sul se uniram para realização de um único encontro.

“Atendendo ao pedido dos organizadores, emitimos uma apólice com um amplo leque de coberturas, dando a proteção necessária aos participantes deste importante evento do setor”, ressalta Glaucio Costa. Para o Brasesul, a Berkley disponibiliza coberturas de Responsabilidade Civil, equipamentos diversos e objetos cenográficos constantes no local do evento.

O superintendente cita que o produto da Berkley é o mais completo em coberturas no mercado, com facilidade de contratação na ponta. “O corretor pode cotar e emitir apólices na própria corretora, atendendo a necessidade do segurado que sempre precisa da apólice para iniciar o evento”, explica.

Região Sul concentra o segundo maior contingente de corretores de seguros do Brasil

Fonte: Fenacor
Fonte: Fenacor

Segundo a Fenacor, a Região Sul apresenta o segundo maior contingente de corretores de seguros do Brasil. São ao todo 15 mil profissionais cadastrados. Em primeiro lugar aparece a Região Sudeste, com pouco mais de 59 mil corretores. Na terceira posição, o Nordeste conta com quase 9 mil profissionais da corretagem, ante pouco mais de 6 mil no Centro Oeste e 2 mil na região Norte.

*Com informações das agências parceiras: CDN, RP1, Virta, Edelman Significa, Literal Link, RMA, Danthi, Spin, VTN, Medialink e DPI.

“Aconteçam as inovações ou não, elas precisam das pessoas” 2796

Brasesul

Visão da Susep e força da região Sul marcam abertura do Brasesul

Enquanto o mercado brasileiro de seguros cresceu 9%, o Sul cresceu 11%. Os dados foram apurados em maio pela Superintendência de Seguros Privados (Susep) e evidenciam potencial de crescimento da região, bem como sua importância no cenário nacional.

Conhecimento e integração plena estão entre os principais resultados do Congresso Sul Brasileiro dos Corretores de Seguros, iniciado nesta quinta-feira (19), em Florianópolis (SC). Mais de 2 mil profissionais do setor participam do evento, realizado no Centro de Eventos de Florianópolis (Centrosul). “Realizamos esse evento com muito carinho para todos os corretores. Unidos podemos realizar um grande evento e saudar todos os profissionais”, disse Auri Bertelli, presidente do Sindicato dos Corretores de Seguros (Sincor-SC). Ovacionado, Bertelli reforçou que “as companhias precisam ter em mente que jamais poderão substituir o corretor por máquinas. São o mais seguro e sincero canal de distribuição”.

A realização do Brasesul marca o alinhamento das entidades representativas na região Sul. Os Sindicatos de Corretores de Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul são os grandes organizadores do Congresso, com apoio institucional da Escola Nacional de Seguros. “Vocês são as pessoas que fazem o seguro acontecer no Brasil”, complementou o presidente do Sincor-RS, Ricardo Pansera. Já José Antônio de Castro, presidente do Sincor-PR, reforçou que “o maior valor que o mercado de seguros possui é a força de vendas existente na categoria de corretores”.

O superintendente da Superintendência de Seguros Privados (Susep), Joaquim Mendanha, sugeriu reflexão e união do setor para conclusão de propósitos e ideais. “A Susep vem trabalhando com afinco e prestando contas do que está fazendo. No final de julho serão 2 anos frente ao órgão e temos tentado fazer o mais próximo possível daquilo que queremos. Trabalhamos muito para desenvolver o mercado, destravar algumas situações que vinham de anos”, explica. “O futuro me deixa muito otimista, principalmente pelo que estou vendo aqui. Não é segredo que venho da corretagem e sei da força de trabalho desses profissionais. Não importa que venha a tecnologia, as pessoas são importantíssimas nessa relação”, analisa Mendanha.

“Aconteçam as inovações, ou não, elas precisam das pessoas”, explicou Joaquim Mendanha, superintendente da Superintendência de Seguros Privados (Susep).

“Esse Congresso pode ser chamado de ‘encontro no paraíso’, estamos em um ambiente composto por grandes profissionais. É um momento muito importante para mercado, categoria e sociedade brasileira”, disse Robert Bittar, presidente em exercício da Federação Nacional de Corretores de Seguros (Fenacor). “Nossa área vem enfrentando momentos duros, mas as recentes estatísticas revelam confiança e resiliência”, complementou Rogério Spezzia, representante da Confederação Nacional de Seguros Gerais (CNseg).

“Lutamos muito por essa integração. No Sul, contamos com sindicatos muito eficientes. Esse processo começou pelo Nordeste, que deu uma clara demonstração de desprendimento. Agora, o modelo foi adotado, felizmente, por todas as regiões do País. Contamos com a pluralidade, que traz ganhos para o mercado e todos nós”, completou Armando Vergílio, convidado de honra da cerimônia de abertura das atividades.

Na sequência, a palestra “99,9% não é 100%, Você Pode Mais”, o renomado especialista em marketing Marcos Scaldelai evidenciou como soluções disruptivas e o pensamento “fora da caixa” são fundamentais para a fomentação de negócios inovador. Scaldelai assumiu a presidência da Bombril aos 36 anos.

Brasesul – Confira as imagens do primeiro dia:

Procura por seguros para riscos relacionados a fusões e aquisições cresce 35%, diz Marsh 1640

Hands

Empresas de private equity são as que mais utilizam o seguro para riscos transacionais

O ambiente competitivo dos últimos anos levou muitos investidores institucionais a olharem com mais atenção para o mercado de produtos de risco transacional. De acordo com a corretora e consultora de riscos Marsh, no Brasil, a procura por este tipo de seguro no primeiro semestre de 2018 já é 35% maior do que o índice de prospecção do ano passado inteiro.

O seguro contra riscos transacionais inclui, por exemplo, apólices que cobrem riscos relacionados a fusões e aquisições, seguro de indenização fiscal e o seguro de representações e garantias (R&W), sendo este último o único disponível no Brasil. Para a líder da prática de fusões e aquisições da Marsh Brasil, Bruna Reis, a retomada do aquecimento do mercado de M&A é um dos principais motivos pelo aumento da procura por este tipo de proteção no país.

“Além disso, o seguro R&W, presente no Brasil há apenas quatro anos, tem se tornado cada vez mais conhecido por investidores nacionais, uma vez que antes a procura era predominantemente de Fundos de Private Equity Internacionais que já estavam familiarizados com a utilização deste tipo de seguro em outros países”, explica Bruna.

Segundo Relatório Anual de Risco Transacional 2017 da Marsh, no mundo, foram contratadas 38% mais apólices de seguro de risco transacional em comparação a 2016, somando cerca de US$ 20,1 bilhões. No mundo, a Marsh colocou mais de 700 seguros contra riscos transacionais no mercado, um aumento de quase 28% a partir de 2016.

Empresas de private equity são as que mais utilizam o seguro para riscos transacionais, mas, diversas corporações os têm procurado também. “Do total das prospecções, 60% são de private equity e 40% são de investidores institucionais. As empresas e fundos que investem no segmento de infraestrutura são os que mais têm buscado este tipo de proteção, afirma Bruna.

Taxas

Em resposta a esse aumento na demanda, a capacidade no mercado de seguros aumentou significativamente, com mais de 25 seguradoras oferecendo seguro de risco transacional globalmente. Globalmente, os preços para produtos de risco transacionais continuaram a cair como resultado de um aumento significativo da concorrência no mercado segurador. Em 2017, os preços médios caíram quase 13%, comparado a uma queda de cerca de 2% em 2016. O seguro de riscos transacionais está em comercialização no Brasil há quatro anos. A apólice é elaborada conforme as necessidades da operação e se baseia na cláusula de declarações e garantias do contrato de compra e venda.

Mercado aguarda nova obra de Alberto Júnior 3241

Alberto Júnior recebe reconhecimento no 15º Troféu JRS

Especialista em vendas no mercado de seguros anuncia novo livro

Um dos maiores operadores da corretagem brasileira de seguros, Alberto Júnior anunciou o lançamento de sua nova obra. “O vendedor mais cobiçado”, disse o empresário em uma publicação que repercutiu nas redes sociais.

Reprodução
Reprodução

Alberto é autor de “A Lógica”, obra que foi destaque em recente reunião do Million Dollar Round Table (MDRT), nos Estados Unidos. O destaque foi feito por Tiago Melo, membro da Court of The Table da entidade. “É o primeiro brasileiro com literatura no MDRT”, completou.

Melo destacou a honra em representar o Brasil no maior evento do mercado Internacional de Seguros e Finanças. “É sem dúvida uma grande emoção. Como membro Court of The Table na MDRT, encontro-me em um seleto grupo de 2.500 profissionais de todo mundo, pertencentes a esta categoria, são 9 anos consecutivos na MDRT. Ter esta certificação em meu currículo, deve-se a minha exacerbada preocupação em oferecer o meu melhor aos meus clientes, sou grato a todos eles por delegarem a mim a honra de cuidar e proteger seus sonhos, família e projetos de vida”, agradeceu o executivo.

Travelers Seguros oferece seguro para salões de beleza 2112

Salão de Beleza

Apólices específicas para este mercado cobrem vários imprevistos que os donos de salões podem enfrentar

O Brasil é o maior mercado de negócios de beleza do mundo e movimenta cerca de R$ 12 bilhões por ano, segundo o Instituto Euromonitor. Para atender às necessidades desse segmento promissor, a Travelers Seguros oferece uma linha completa de produtos personalizados para segurar os riscos específicos enfrentados pelos salões de beleza, como acidentes com funcionários, roubos, incêndios e ações judiciais.

“Embora o negócio de salões de beleza ofereça grandes oportunidades para empreendedores como eu, também apresenta muitos desafios”, afirmou Alessandra Fernando, sócia do salão Fama, em São Paulo. “No início, achávamos que o seguro era uma despesa desnecessária, e acabamos comprando apenas para ter tranquilidade. Ainda bem que fizemos essa escolha, porque depois fomos roubados e alguns computadores e equipamentos foram levados. Felizmente, nossa perda foi mínima porque todos os itens roubados estavam segurados. Depois dessa experiência, adicionamos mais coberturas”, diz.

“Os salões de beleza, de todos os portes, estão expostos a muitos riscos e assim como outros negócios necessitam de proteção correta”, explica Leonardo Semenovitch, diretor geral da Travelers no Brasil. “Garantir proteção adequada é um primeiro passo muito importante para qualquer proprietário de salão de beleza, para mitigar potenciais perdas”, continua.

Para ajudar os salões a minimizar riscos, a Travelers recomenda as seguintes precauções:

  • Armazene toalhas sujas e lixo em recipientes fechados para evitar a contaminação dos clientes e manter a limpeza e organização do salão;
  • Sempre pergunte ao cliente sobre alergias e sensibilidade;
  • Siga cuidadosamente as instruções de uso dos produtos;
  • Mantenha o registro de compras de todos os produtos utilizados no salão;
  • Inspecione periodicamente as cadeiras elevatórias para prevenir algum tipo de defeito e evitar que o cliente se machuque;
  • Proteja os secadores com um disjuntor automático para evitar o superaquecimento;
  • Dimensione devidamente os sistemas elétricos para evitar sobrecarga na rede e consequentemente curtos e incêndios;
  • Posicione os extintores de incêndio de forma estratégica e treine todos os funcionários para utilizá-los e garantir uma rápida resposta em casos de incêndio;
  • Inspecione com frequência os aparelhos elétricos para evitar que hajam fios desencapados que possam eletrocutar clientes e funcionários;
  • Garanta acesso livre às saídas de emergência para que as pessoas possam sair sem dificuldade.