Gestão de ativos e passivos é fundamental para carteiras de previdência 339

Escola Nacional de Seguros promoveu Workshop na Unidade Porto Alegre

O termo pode ser desconhecido, mas as aplicações em Asset Liability Management são fundamentais para a gestão de carteiras com foco nos desencontros existentes entre ativos e passivos. Com este pressuposto, a Unidade Porto Alegre da Escola Nacional de Seguros reuniu um público seleto em seu auditório para o workshop que analisou a aplicação do ALM em planos de previdência complementar.

Um time especializado participou do evento que foi apresentado por Claudio Contador, diretor do Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (CPES). Cesar da Rocha Neves, responsável pelo departamento de Ciências Atuariais da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) também participou do evento onde fez colocações pontuais sobre o tema.

Em entrevista ao Seguros Sem Mistério, o professor da PUC-Rio Davi Valladão, ressaltou a importância da discussão deste tema e que tratar sua complexidade de forma detalhada.

“É garantir o benefício de todos para agora e para o futuro”, detalhou ao destacar a importância de palestras mais técnicas aos novos profissionais do mercado.

Já o analista técnico da Superintendência de Seguros Privados Thiago Barata Duarte classificou como fundamental a gestão de ativos e passivos para melhor gestão de carteiras. Um dos destaques foi a presença do atuário Sérgio Rangel, que acompanhou atentamente os trabalhos.

Escola Nacional de Seguros - 16.05.2016

Marsh adquire JLT por £ 4,3 bi 1037

Marsh JLT

Corretora global agora possui US$ 17 bilhões de receita anual

A gestora americana de riscos e seguros Marsh & McLennan Cos. chegou a um acordo para comprar a Jardine Lloyd Thompson (JLT), sediada no Reino Unido, por 4,3 bilhões de libras (US$ 5,66 bilhões). A informação é da Revista Exame.

A companhia resultante será uma corretora global, com US$ 17 bilhões de receita anual. O acordo foi anunciado nesta terça-feira, avaliando cada ação da JLT em 1,915 pence, um prêmio de 34% em relação a seu preço de fechamento da segunda-feira, na Bolsa de Londres.

Listada em Nova York, a Marsh & McLennan disse que o negócio fortalecerá suas operações e expandirá sua rede global de resseguros, apoiando sua posição em mercados importantes na Ásia e na América Latina. A Marsh & McLennan afirmou também que sua receita deve avançar a cerca de US$ 17 bilhões após o acordo, de cerca de US$ 14 bilhões atualmente.

Segundo a empresa, o negócio deve ser concluído na primavera de 2019 no Hemisfério Norte, que começa em março. Ele depende ainda de aprovação dos acionistas e reguladores.

Novas tecnologias transformam mercado de seguros 1170

Assunto foi tema de Seminário Internacional sobre Direito dos Seguros

As novas tecnologias que surgem a cada dia influenciam mudanças nas mais diversas áreas. No seguro não é diferente, uma vez que essas transformações que incidem diretamente no modo de viver e se relacionar do ser humano e apresentam os mais variados desafios a ser solucionados pelo segmento. Essas questões foram abordadas durante o Seminário Internacional Direito dos Seguros e Novas Tecnologias.

Para o advogado mestre em direito público Wilson Engelmann, a humanidade vive a quarta revolução industrial. “Temos um mundo sob uma forte influência de convergência tecnológica, pois não é apenas uma tecnologia que está trazendo novidades a todas as áreas, são várias”, explicou durante o encontro que aconteceu na última quinta-feira (13). “Qual o limite dessa questão? O ser humano pode criar coisas que efetivamente fogem do controle do ser humano, e se isso acontecer, o que podemos fazer?”, indagou Marcelo Barreto Leal.

Novas tecnologias transformam mercado de seguros – Todas as imagens

RS: Sincor e Sindseg promovem almoço com superintendente da Susep 1210

Joaquim Mendanha é superintendente da Susep

Joaquim Mendanha participa de palestra-almoço no dia 04 de outubro

O Sindicato dos Corretores de Seguros e das Seguradoras do Rio Grande do Sul, Sincor-RS e Sindseg-RS, respectivamente, apresentam mais um almoço do mercado segurador. O encontro recebe Joaquim Mendanha, superintendente da Superintendência de Seguros Privados (Susep), no dia 4 de outubro. O Clube do Comércio é cenário para a palestra-almoço que há mais de 70 anos reúne os profissionais do setor no Estado.

Para participar é preciso confirmar presença até o dia 2 de outubro, pelo e-mail margareth.souza@sindsegrs.org.br ou nos telefones (51) 3221-4433 ou (51) 3221-4960. O convite custa R$ 60,00.

Divulgação
Divulgação

Liberty oferece treinamento inovador para o corretor com imersão no Facebook 903

Facebook

Liberty Academia Digital traz encontro na sede do Facebook, vídeos, vouchers e apoio de consultor para corretores terem sucesso no digital

Atenta à tendência de digitalização e dedicada a ajudar os corretores parceiros a crescerem seus negócios, a Liberty Seguros acaba de lançar um novo formato de treinamento inovador para esse público: a Liberty Academia Digital, que conta com importantes insights do time de atendimento do Facebook no Brasil e tem como principal objetivo habilitar os corretores a promover os produtos de seguro nas mídias sociais e a alcançar potenciais clientes.

A Liberty Academia Digital consiste em um treinamento digital por meio de vídeo-aulas baseada no conceito de gamificação e com foco na experiência de vender seguros. O treinamento atende aos mais diferentes perfis de corretores: aos que tem pouco conhecimento em mídias sociais, aos que possuem algum conhecimento, mas que não sabem como criar conteúdo e aos que já produzem conteúdos, mas que não sabem como otimizar seus resultados.

As aulas serão divididas em três módulos: o Módulo 1, que pode ser acessado por qualquer profissional do Brasil e estará disponível na página do Programa Conexão no Facebook; o Módulo 2 e o Módulo 3, que só poderão ser acessados se o corretor for parceiro da Liberty Seguros, por meio da plataforma de treinamento da seguradora. Caso o profissional inicie o treinamento e ainda não seja parceiro, pode facilmente tornar-se um por meio do site da Liberty Seguros. Ao final do Módulo 3, o Facebook receberá em sua sede, em São Paulo, um grupo de corretores para  uma verdadeira imersão em suas plataformas – Facebook e Instagram.  Além disso, os corretores que concluírem o curso contarão com um consultor digital, que estará à disposição, via Facebook Messenger, para orientar e tirar as principais dúvidas, garantindo que os principais objetivos das campanhas de mídia sejam alcançados.

“Acreditamos muito no valor dos corretores e queremos que nossos parceiros desenvolvam seu negócio, e cresçam com a Liberty. Apoiar o corretor para ingressar no mundo digital e utilizar o online a seu favor é um tema muito importante para nós. Desde 2015, a Liberty investe em treinamentos de mídias sociais para captação e fidelização de clientes. A Academia Digital reúne três anos de feedback dos nossos parceiros, além de incentivos para nossos corretores desenvolverem suas campanhas nas mídias sociais gerando resultados para o seu negócio” comenta Patricia Chacon, Diretora de Marketing e Estratégia da Liberty Seguros.

A ação foi cocriada junto à CUBOCC, que lidera a comunicação digital da Liberty Seguros.

Memória do seguro brasileiro completa 10 anos 884

Seguro

Projeto reúne depoimentos de mais de 130 personalidades do setor

Neste ano, o Projeto Memória do Seguro Brasileiro, da Academia Nacional de Seguros e Previdência, completa 10 anos. Idealizado em 2008 com o intuito de manter viva a história do setor, a iniciativa já registrou, em vídeo, depoimentos de mais de 130 personalidades que contribuíram para a construção do seguro no Brasil. A coletânea está disponível no site da Academia.

Para João Marcelo dos Santos, presidente da ANSP, “é um projeto que tem o benefício de registrar informações valiosas e torná-las disponíveis de modo simples e efetivo para um grande público. São depoimentos muito especiais de pessoas que realmente sabem como chegamos até aqui”, explica. “Falo com muita satisfação sobre isso. É a história de cada pessoa, instituição, as realizações e os momentos”, complementa Mauro César Batista, um dos entusiastas da Memória do Seguro e Presidente do Conselho Superior da Academia.

Mauro relembra que o projeto teve início após o falecimento de Olavo Egydio Setúbal, ex-presidente do Conselho de Administração do Itaú. “Assim como eu lamento a ausência neste arquivo do saudoso e querido Manuel Póvoas, também lamento a ausência de Olavo Setúbal”, afirma.

“Para o futuro, o objetivo é tornar essa coletânea ainda mais conhecida e utilizada por todos. Foram, apenas, os primeiros dez anos”, conclui João Marcelo dos Santos.